Destaque »

Em noite de autógrafos, Dr. Renato Zupo lança ‘Inteligência Prática’, em Araxá

14 de agosto de 2018 – 16:29 |

A noite do último dia 09 de agosto de 2018, foi especial e de lançamento do quarto livro do juiz-escrtior araxaense, Dr. Renato Zouain Zupo. O palco da prestigiada noite de …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home »

“O CENTENÁRIO DO JAZZ”

FRANCISCO  JOSÉ  GÉA

PRÓLOGO

Um dos gêneros musicais mais contagiantes do planeta, no dia 30 de abril comemorou 100 anos do seu surgimento, sendo um fato tão importante que, esta data foi instituída pela UNESCO, como o Dia Internacional do Jazz, uma data muito importante pela humanidade e que deveria ser comemorado por todos.

HISTÓRICO”

THE HAGUE, NETHERLANDS – JULY 12TH: American jazz singer Sarah Vaughan (1924-1990) performs at the North Sea Jazz Festival in the Hague, the Netherlands on 12th July 1987. (photo by Frans Schellekens/Redferns) FOTO COM CUSTO PARA ILUSTRADA ***DIREITOS RESERVADOS. NÃO PUBLICAR SEM AUTORIZAÇÃO DO DETENTOR DOS DIREITOS AUTORAIS E DE IMAGEM***

O Jazz, é um estilo de “música popular”, que nasceu e desenvolveu por volta do século 19 e início do século 20, nos Estados Unidos, nas principais cidades do Sul daquele pais, principalmente na cidade de Nova Orleans, sendo que a música de Jazz foi criada e desenvolvida nas comunidades de músicos negros. A história registra que o inventor do da música de Jazzfoi FERDINAND JELLY ROLL MORTON, mas outras centenas de músicos, contribuíram para a evolução deste estilo musical.

As suas principais características estão na improvisação do “swing” e da individualidade do som instrumental ou vocal.

No início os elementos musicais que contribuíram para a sua evolução, partiram dos hinos religiosos do século 19, com uma mistura de sons e musicas dos escravos, misturando os “blues”, com ritmos sincopados do “ragtime”.

 

“OS INSTRUMENTOS MUSICAIS”

Tais como clarinete, trompete e trombone e banjo, foram elementos responsáveis e primordiais nas primeiras apresentações de grupos de Jazz.

 

“OS PIONEIROS INTERPRETES”

A história registra a participação de BUDDY BOLDEN como o mais antigo praticante de Jazz do mundo, sendo que as primeiras gravações de músicas de Jazz, se deram por intermédio de uma banda composta por músicos brancos, tocando a música “DIXIELAND”, tornando este estilo musical em fenômeno, principalmente nas cidades de Nova York e Chicago. Outros pioneiros foram, JOSEPH KING OLIVER, LOUIS ARMSTRONG E BESSIE SMITH.

 

“AS GRANDES BANDAS”

Surgiram ao longo dos tempos, que partindo de Nova Orleans, Nova York e Chicago, foram para a Europa, atingindo principalmente as cidades de Londres, Paris e outras importantes capitais europeias, quando a divulgação do Jazz, veio alcançar todo o mundo.

Nomes importantes do Jazz, como os de BENNY GOODMAN, ARTIE SHAW, WOODROW WOODY HERMAN, WILLIAM COUNT BASIE, GLEN MILLER, HARRY JAMES, BERNIE LOWE, BOB CROSBY, TOMMY DORSEY, LES BROWN, DUKE ELLINGTON, ENOCH LIGHT, EDDIE JOLSON e outras bandas deram a sua contribuição para a grandeza e o sucesso da música de Jazz.

 

 

 

 

 

“GRANDES MÚSICOS”

Que deixaram a sua contribuição para a grandeza do jazz, além dos consagrados LOUIS ARMSTRONG e BESSIE SMITH, os nomes de CHARLIE PARKER, DIZZIE GILLESPIE, THELONIUS MONK, MILLES DAVIES, GERRY MULLIGAN, JONHN LEWIS, JOHN COLTRANE, ORNETECOLLEMAN e CECIL TAYLOR, são outros “monstros sagrados” do mundo da música de jazz, que não podem faltar quando se propõe em contar da história e do surgimento da música de jazz.

 

“SELEÇÃO DAS MAIS BONITAS, CONHECIDAS E REPRESENTATIVAS OBRAS DE JAZZ DE TODOS OS TEMPOS”

 

  1. “ST.LOUIS BLUES”
  2. “STARDUST”
  3. “IN THE MOOD”
  4. “SOUTH RAMPART STREET PARADE”
  5. “MOOLIGHT SERENADE”
  6. “ONE O’CLOCK JUMP”
  7. “AMERICAN PATROL”
  8. “TUXEDO JUNCTION”
  9. “LITLE BROWN JUG”
  10. “SENTIMENTAL JOURNEY”
  11. “SUNRISE SERENADE”
  12. “STOMPIN AT THE SAVOY”
  13. “MOOD INDIGO”
  14. “JERSEY BOUNCE”
  15. “THE BREEZE AND I”
  16. “TAKE THE A TRAIN”
  17. “STORMY WEATHER”
  18. “CABIN IN THE SKY”
  19. “SERENADE IN BLUE”
  20. “HERTACHES”

FINAL

Realmente estas são as melhores músicas de jazz de todos os tempos, são canções nostálgicas, as quais sugiro para os apreciadores de música, que ouçam e as apreciem, e para os jovens sugiro que os mesmos tambem as ouçam, para que eles tambem possam sentir a emoção do que foi uma era maravilhosa da música americana, que era a mais pura alegria, proporcionada por um ritmo bem original e diferente.

(FIM)

Francisco José Géa