Destaque »

Brasil ganha da Costa Rica no segundo jogo por 2 a 0

22 de junho de 2018 – 20:02 |

A tônica mundial é a Copa do Mundo 2018, na Rússia, que teve início com uma goleada espetacular do time da casa diante da Arábia Saudita pelo placar de 5 a 0. Outros resultados surpreendentes …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home »

Maria Cármen Ávila de Paiva

Maria Cármen, Curtindo as piscinas de Caldas

OI, pessoal. Tudo bem? Iniciamos um novo mês e, parafraseando Jorge Ben, neste fevereiro, terá carnaval. E aí? Já planejaram onde vão passar o feriado prolongado? Os dias de folga serão de descanso ou por conta da folia?

Um lugar bastante procurado pelos araxaenses é Caldas Novas, em Goiás. Isso se deve pela proximidade, já que fazer uma viagem mais longa em quatro dias de recesso não é tão viável. Caldas é quase que a nossa “praia”, né? Tudo bem que não tem o mar propriamente dito, mas possui um ambiente bem sugestivo com praias artificiais.

Eu fui lá antes da famosa Praia do Cerrado. Mas, já era bem forte o turismo e sempre voltado para as águas termais. Todo hotel e clube tinham – e ainda têm – piscinas com temperaturas bem quentes, ótimas para relaxar.

Cheguei a ir em alguns carnavais e era muita badalação. Nos hotéis, o clima era familiar, tinha de bingos a bailes com as famosas marchinhas.

Mas, era nos clubes e na rua que o público jovem era maior. Fui em shows de forró no salão de festas do hotel Di Roma, com os badalados Falamansa e Rastapé. É claro que não é o som habitual que se ouve numa época na qual o axé é que manda, mas foi muito legal, ainda mais para mim, que adoro o ritmo. Em outro ano, teve show do Calypso, no Hotel Privê. Aliás, é na frente deste hotel que acontecia ( não sei como é hoje) o ponto de encontro da maior parte da moçada e tinha trios elétricos na avenida. A paquera rolava solta e o movimento era tanto, que acabava sendo meio desorganizado.

E aí? Vão animar “cair na farra”? Ou vão procurar um hotel e curtir o conforto e o sossego do lugar? Indicaria o complexo Rio Quente Resorts, que tem uma estrutura diferenciada.Mas, se preferirem preços mais acessíveis, há inúmeros flats, os quais você pode alugar e aproveitar a cidade com um custo benefício inacreditável.

Mesmo que sua opção seja pelo descanso, Caldas é sinônimo de festa em qualquer época do ano. Me lembro de ir em micareta lá, onde tocou de Asa de Águia a Chiclete com Banana, com direito a trio e tudo mais. Atualmente, o que tem de mais requisitado é o Caldas Country, que costuma ser no segundo semestre. Eu nunca fui, mas os amantes da música sertaneja dizem que é ótimo.

Gostaram? Espero que sim. Beijos e até breve, se Deus quiser.

Foto ilustrativa da Praia do Cerrado