Destaque »

Reajuste dos servidores municipais causa polêmica na Câmara de Vereadores

19 de junho de 2019 – 12:17 |

O Projeto que dispõe sobre o reajuste salarial dos servidores da Prefeitura de Araxá foi amplamente debatido na reunião ordinária da Câmara Municipal de Araxá, realizada na tarde da última terça-feira (18/06). No início dos …

Leia mais »
Esporte
Cultura
Turismo
Meio Ambiente
Responsabilidade social
Home »

“BOB DYLAN-O CAIPIRA URBANO DA MÚSICA AMERICANA”

Francisco Jose Géa

 

Parte 01

 

Bob Dylan during Bob Dylan File Photos at New York in New York City, New York, United States. (Photo by KMazur/WireImage)

BOB DYLAN é um verdadeiro fenômeno da música norte-americana, onde jornais e revistas especializadas, do mudo inteiro, já dedicaram uma infinidade de artigos e reportagens, a respeito dele, que é um dos mais importantes músicos que já apareceram no universo musical.

Falar dele ainda é uma coisa um pouco difícil, isto  em virtude que se sabe muito pouco a seu respeito, como por exemplo, o que sabemos não vai muito além da sua clássica biografia, que usualmente é aquela que foi distribuída para a imprensa.

Seu verdadeiro nome é ROBERT ALLEN ZIMMERMAN, sendo que foi ele próprio quem escolheu o seu nome artístico, isto para homenagear o seu poeta favorito, o inglês Dylan Thomaz. Conta que passou a se interessar pela música por causa das canções de um outro seu ídolo, que foi o folclórico músico Woody Guthrie que foi a sua fonte de inspiração principalmente nas músicas do estilo “folk”, que foi um indivíduo lendário, dentro do universo musical norte-americano, sendo que ele foi uma espécie de um trovador errante e que possuía uma música que cantava sobre a dura vida dos trabalhadores e dos oprimidos, foi um artista que percorreu todo os Estados Unidos, ora cantando, ora trabalhando como um peão de obras.

BOB DYLAN, nasceu no dia 24 de maio de 1941, na cidade de Duluth, no Estado de Minnesota, no Oeste americano.

Os seus temas e as suas músicas eram temas folclóricos, musicalmente muito ricos, sempre com textos fortes e polêmicos, havendo em algumas de suas composições uma mistura de música folk, country e baladas.

As letras de suas músicas são profundas e pessoais, em um estilo bem singular, mostrando a sua veia de poeta e músico ao mesmo tempo.

Além das suas canções, Boby Dylan sempre compôs e escreveu poemas, sendo que estes poemas são maravilhosos, tendo como tema, o amor, o horror a guerra e o pavor por uma vida errante, sem moradia fixa.

BOB DYLAN gravou muito e muito bem, para mais de 600 (seiscentas músicas). O auge de sua carreira, nos anos 60, foi também o período em que o mesmo pensou em suicídio, pois o mesmo estava viciado em heroína.

 

 

( continua na próxima edição)